Centenário de Léon-Gontram Damas

2012 é o ano do centenário do poeta guianense Léon-Gontram Damas, um dos fundadores do movimento da Negritude. Autor menos conhecido e evocado que os seus dois colegas Léopold Sédar Senghor e Aimé Césaire, Damas foi uma figura diferente no grupo. Boêmio, articulado, chegou a Paris antes dos outros dois e por lá perambulava livremente. Se aproximou dos surrealistas no final dos 1920, especialmente de Robert Desnos, com quem parecia se identificar mais.

Antes ainda do surgimento da Negritude, fez parte do grupo Légitime Défense, ao lado do poeta antilhano Étienne Léro, tendo assinado um dos textos da revista que trazia o nome do grupo em 1931. Por lá também conheceu os poetas da Harlem Renaissance, especialmente Langston Hughes e Claude McKay, que frequentavam os salões das irmãs Nardal, ponto de encontro dos negros presentes na Paris de então.

Césaire se refere a ele com grande admiração como um homem dotado de toda a alegria, a intuição e a atitude vivazes de um negro órfão de sua terra natal, a Guiana, assim como de uma África perdida e dilacerada na memória da pele.

Seu livro Pigments (“batimentos cardíacos rumo a altas nevralgias”, segundo Desnos), publicado em 1937, é considerado a obra fundadora da Negritude. Ganhou enorme destaque na época, especialmente para os que assistiam com temor o triunfo dos fascismos.

Reproduzo abaixo um dos poemas de Léon-Gontram Damas em tradução minha.

LOGO MAIS

Logo mais
não terei apenas dançado
logo mais
não terei apenas cantado
logo mais
não terei apenas roçado
logo mais
não terei apenas suado
logo mais
não terei apenas dançado
cantado
roçado
suado
roçado
suado
roçado
cantado
dançado

Logo mais

***

BiENTÔT

Bientôt
je n’aurai pas que dansé
bientôt
je n’aurai pas que chanté
bientôt
je n’aurai pas que frotté
bientôt
je n’aurai pas que trempé
bientôt
je n’aurai pas que dansé
chanté
frotté
trempé
frotté
trempé
frotté
chanté
dansé

Bientôt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *