pranto para comover jonathan

os diamantes são indestrutíveis?
mais é meu amor.
o mar é imenso?
meu amor é maior,
mais belo sem ornamentos
do que um campo de flores.
mais triste do que a morte,
mais desesperançado
do que a onda batendo no rochedo,
mais tenaz que o rochedo.
ama e nem sabe mais o que ama.

é um poema da adélia prado e está no livro “bagagem”. para ser comido com broa de fubá e cafezinho no final da tarde.

Um comentário sobre “pranto para comover jonathan

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *