sobre um embaraço muito comum

a verdade é que ninguém pode obter de outra pessoa uma confirmação segura do valor daquilo que escreve. é-se poeta a despeito desse fato, ou não se é poeta. (antônio cícero)

não sou um poeta conhecido. não tenho muitos livros de poesia publicados. mesmo assim, muita gente me admira e eu sou muito grato a essas pessoas. muita gente espera de mim certos comentários e respostas sobre a validade dos seus poemas. agradeço muito que me tenham em tão alta conta. às vezes fico embaraçado, não sei o que dizer, mesmo quando estou diante de excelentes poemas. a algumas pessoas eu gostaria de dar uma resposta que ajudasse a deslanchar. às vezes eu até tento. acho arriscado. mas chego a tentar. não sei se devia.

outro dia, passando pelo blogue do antônio cícero, encontrei uma postagem que responde a muito do que eu gostaria de dizer a essas pessoas. sobre poemas enviados a poetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *